Vídeo: Apple copiou de tudo para criar iPhone e iOS 7

A máxima já é velha conhecida: nada se cria, tudo se copia. Na indústria de tecnologia isso não poderia ser mais verdadeiro, basta acompanhar a guerra de patentes que parece não ter fim. E a empresa que tem uma imagem fortemente vinculada a inovação não está fora disso, a Apple, que mais de uma vez forçou o mercado a seguir suas criações, é claro, não criou tudo.

O escritor, diretor e editor Kirby Ferguson demonstra bem isso em seu mais recente vídeo da série Everything is a Remix, cujo tema é justamente o “nada se cria”. Num capítulo que foca a Apple, ele mostra como a empresa se apropriou do que já conhecíamos para nos familiarizar ao primeiro iPhone e, ainda, repetiu a fórmula anos depois com o iOS 7.

Ícones tirados da vida offline, botões e sons com cara de “vida real”. Tudo isso foi usado para dar aos usuários a sensação de que o iPhone já estava integrado ao nosso dia a dia. Em 2007, nem aquela tecnologia multitoque alardeada por Steve Jobs era nova; o quê deles foi juntar tudo de forma amigável.

Neste ano assistimos ao surgimento do iOS 7, a maior atualização já feita pela Apple em seu sistema operacional móvel, e ali veio mais uma vez a sensação de déjà vu. Se em 2007 a empresa foi buscar inspiração no offline, em 2013 ela teve de copiar seus adversários, buscando aqui e ali o que achou mais pertinente.

Tudo isso é bem evidenciado no vídeo de Ferguson. São cerca de 5 minutos, em inglês, mas vale conferir:

Fonte: Olhar Digital

Everything is a Remix Case Study: The iPhone from Kirby Ferguson on Vimeo.

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *