Shakira é condenada por plagiar artista dominicano na canção “Loca”

Nesta última quarta-feira (20), durante uma audiência no tribunal de Manhattan, em Nova York, a cantora colombiana Shakira foi condenada por um juiz federal dos EUA, que determinou que a canção “Loca”, lançada ainda no ano de 2010, é um plágio de uma composição de um artista dominicano.

O juiz, Alvin Hellerstein, afirmou em sua sentença que a canção nada mais é do que uma cópia da composição de Ramon Arias Vasquez, que escreveu “Loca con su Tiguere” ainda no fim dos anos 1990.

Hellerstein rejeitou as alegações de que a versão em inglês da canção de Shakira também infringiu os direitos do autor, citando falta de provas, porém a decisão do plágio por parte de Shakira é uma vitória da querelante, Mayimba Music, que detém os direitos do trabalho de Aria e entrou com um processo na justiça contra a Sony Corp of America e várias outras unidades da Sony em ainda no ano de 2012.

Não só por Shakira foi condenada, como também o dominicano Edward Bello Pou, mais conhecido como rapper El Cata, que, aliás, colaborou com Shakira na gravação do videoclip em 2010, por ter gravado a canção ainda em 2008.

“As canções ‘Loca con su Tíguere’ de Bello Pou e ‘Loca’ de Shakira, são cópias ilegais de outra canção, cujos direitos pertencem à produtora Mayimba Music e violam as leis de propriedade intelectual”, determinou o juiz.

Após o lançamento da canção, no ano em que estava no auge devido à “Waka Waka”, gravada para a Copa do Mundo, Shakira chegou ao topo da parada latina da Billboard e vendeu supostos cinco milhões de cópias em todo o mundo.

Uma vez que os direitos de autor pertencem à gravadora Mayimba, o juiz aconselhou as partes a terem uma conversa antes do próximo dia 29, data determinada para a entrega no tribunal de um documento que identifique o dano para a produtora de Vasquez.

Uma nova audiência foi agendada para o próximo dia 8 de Setembro com os advogados da Sony (produtora que representa Shakira) e da Mayimba.

Fonte: diario24horas

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *