Patente da Apple descreve uma câmera de “super-resolução” para o iPhone

O Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos  (USPTO)  publicou o pedido da patente #20140125825, apresentada pela Apple. A apresentação aborda uma nova invenção da Apple bastante interessante que poderia acabar em futuros iDevices inovadores como o iPhone.

A nova invenção, enquanto bastante técnico, basicamente, refere-se à criação de uma imagem de “super-resolução” que é formada a partir da união de uma sequência imagens com uma resolução relativamente baixa capturadas rapidamente.

Por isso funcionar, o iDevice em questão exigirá um módulo de Estabilização Ótica de Imagem, que se rege por algoritmos inteligentes que inclinam a câmera em ângulos diferentes, realizando os disparos. A riqueza de informações contidas nas imagens resultantes são transmitidas em um processador de imagem dedicado, que de forma inteligente as reúne em um singular imagem de “super- resolução” em um piscar de olhos. Aparentemente, o motor a bordo também pode aplicar correção de gama, anti-aliasing e técnicas gerais de processamento de cores.

É óbvio que a Apple está pensando em uma opção extra que será facilmente acessível a partir da interface do usuário da câmera, sendo capaz de ligar e desligar o modo super resolução.

O pedido de patente em questão foi apresentado em 08 de novembro de 2012, por isso é seguro dizer que a Apple já tem trabalho nisso a muito tempo. Ainda não sabemos se esse recurso vai se tornar parte de um futuro iPhone, embora pareça improvável que tal funcionalidade seja inserida no próximo iPhone 6. Por um lado, um relatório da China afirma que se a Apple decidir inserir a Estabilização de Imagem Eletrônica no já iPhone 6, conservariam os custos do dispositivo e não teriam que criar um sensor externo para a câmera.

Fonte: Zuti

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *