JBS assume R$ 5,85 bi em dívidas da Marfrig para ter a marca Seara

A JBS vai pagar R$ 5,85 bilhões pelas operações de abate e processamento de frango e suíno da Marfrig no Brasil, incluindo a marca Seara. O negócio foi confirmado em fato relevante ao mercado na manhã desta segunda.

JBS e Marfrig vão detalhar o negócio ao mercado na manhã desta segunda. Não há desembolso de dinheiro. A JBS vai assumir esse valor em dívidas. A transação também inclui a empresa de couros Zenda, no Uruguai.

Cerca de 30 fábricas fazem parte do acordo, além de marcas e centros de distribuição. Com o negócio, o empresário Marcos Molina está se desfazendo de um terço do grupo que fundou. A Marfrig faturou R$ 22 bilhões em 2012.

A operação vai ajudar a reduzir a dívida do grupo, que chegou a R$ 13 bilhões no primeiro trimestre. Com a ajuda do BNDES, que possui 19% das ações da empresa, a Marfrig cresceu rapidamente com aquisições dentro e fora do Brasil, mas teve dificuldades para integrar as operações.

Após a venda da Seara, o grupo praticamente deixa o mercado de alimentos processados de frango e suíno no Brasil, permanecendo só com carne bovina. O JBS, que estreou nesse mercado no país com a compra da Frangosul, torna-se vice-líder, atrás da BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão.

Fonte: Folha de S. Paulo 

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *