Associação destrói 92 mil CDs e DVDs piratas

ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) destruiu nesta quarta-feira (27), às 10h, mais de 92 mil mídias contendo softwares ilegais, aplicativos e games. Também serão inutilizados 700 cartuchos de games, encartes e box para CDs, além de pastas catálogo.

Segundo a associação, o material é resultado de 64 operações de busca e apreensão realizadas pela entidade.

A destruição será realizada pela empresa Plasnoi Comércio de Plásticos, por meio de um moinho triturador, que fragmentará todo o material.

Todo o resíduo reciclável será comercializado e o valor obtido será doado para instituições assistenciais.

De acordo com a ABES, foram realizadas 662 operações em todo o país em 2009 que resultaram na apreensão de 1.128 milhão de CDs ilegais.

Em nota, a entidade diz que o índice de violação da propriedade intelectual no setor de software é de 58%, o que acarreta prejuízos estimados em US$ 1,645 bilhão para o Brasil.

Fonte: Folha Online

Associação destrói 92 mil CDs e DVDs piratas nesta quarta

Publicidade

DE SÃO PAULO

A ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) destruirá nesta quarta-feira (27), às 10h, mais de 92 mil mídias contendo softwares ilegais, aplicativos e games. Também serão inutilizados 700 cartuchos de games, encartes e box para CDs, além de pastas catálogo.

Segundo a associação, o material é resultado de 64 operações de busca e apreensão realizadas pela entidade.

A destruição será realizada pela empresa Plasnoi Comércio de Plásticos, por meio de um moinho triturador, que fragmentará todo o material.

Todo o resíduo reciclável será comercializado e o valor obtido será doado para instituições assistenciais.

De acordo com a ABES, foram realizadas 662 operações em todo o país em 2009 que resultaram na apreensão de 1.128 milhão de CDs ilegais.

Em nota, a entidade diz que o índice de violação da propriedade intelectual no setor de software é de 58%, o que acarreta prejuízos estimados em US$ 1,645 bilhão para o Brasil.

FONTE: FOLHAONLINE

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *