Brasil cai para 58º em ranking de países mais inovadores

Suíça, Suécia e Cingapura são os três países mais inovadores, segundo a classificação anual publicada nesta terça-feira pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI) na qual colaborou o Instituto Europeu de Administração de Empresas francês (Insead). O Brasil aparece em 58º lugar, logo atrás da Tailândia e uma posição à frente da Tunísia, com uma queda de 11 postos em relação ao ano passado.

A OMPI começou a fazer anualmente esta classificação há cinco anos, como uma amostragem de 141 países industrializados. Esta é a primeira vez que o Insead se associa a este estudo.

A Suíça já ocupava o primeiro lugar da classificação em 2011. Em seguida aos três primeiros este ano estão a Finlândia, Grã-Bretanha, Holanda, Dinamarca, Hong Kong, Irlanda e Estados Unidos. “Esta classificação nos recorda o papel essencial que têm as políticas a favor da inovação no debate sobre a recuperação do crescimento”, assegurou o diretor-geral da OMPI, Francis Gurry, ao fazer um chamado à resistência contra “a pressão que exerce a atual crise no investimento”.

Os líderes da inovação por região do mundo são a Suíça, no caso da Europa, Estados Unidos, na América do Norte, Cingapura, no sudeste asiático e Oceania, Israel para a África do Norte, Chile, para a América Latina, Índia para a Ásia Central, e Ilhas Maurício para África subsaariana.

Fonte: Terra

Com informações da AFP.

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *