Louis Vuitton perde exclusividade sobre uso do padrão clássico xadrez

 (Foto: Reprodução/Twitter)

(Foto: Reprodução/Twitter)

A famosa identidade xadrez estampada nas peças da grife francesa Louis Vuitton deixou de ser exclusividade da marca, decidiu o Tribunal Geral da União Europeia, em resposta a um pedido da varejista alemã Nana-Nana.

Segundo a decisão, as clássicas estampas que lembram um tabuleiro de damas “não são distintas o suficiente para merecer um registro de marca”. O tribunal considerou o padrão quadriculado como “básico e banal” e com “componentes muitos simples”.

A grife perdeu dois registros de seu xadrez como marca, de uso exclusivo. Os registros da Luis Vuitton haviam sido concedidos em 1998 para o padrão xadrez marrom e preto, e em 2008 para a estampa xadrez cinza e preto. As duas identidades eram usadas em bolsas e artigos de couro da marca.

A marca ainda pode recorrer da decisão, segundo advogados disseram ao jornal britâncio “Daily Telegraph”. A decisão é válida para todos os países da UE.

Fonte (Texto e Foto): G1.com

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *