Anvisa faz reunião hoje para decidir orientações sobre silicone da PIP

Ministério da Saúde e representantes de médicos também vão ao debate. Fabricante francesa usou material industrial nos implantes mamários.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) fará na tarde desta quarta-feira (11) uma reunião para discutir que procedimentos serão tomados em relação às próteses de silicone da marca francesa PIP e da holandesa Rofil. Representantes do Ministério da Saúde e das sociedades brasileiras de cirurgia plástica e mastologia também estarão presentes.

As duas empresas usaram silicone industrial nos implantes, o que os deixa mais frágeis e propensos a vazamentos. A Anvisa já cancelou o registro da PIP e anunciou que fará o mesmo em relação à Rofil – falta apenas a publicação no Diário Oficial da União.

Até o momento, a Anvisa apenas orientou as pacientes que têm próteses das duas marcas a procurarem seus médicos para avaliar caso a caso se retiram ou mantêm os implantes.

Já a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica anunciou a criação do Cadastro Nacional de Implantes Mamários, um banco de dados que registrará todas as cirurgias de aumento de mama no Brasil. O objetivo da medida é facilitar a localização das pacientes em crises como a atual.

Fonte: G1

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *